Na semana do GP do Brasil de Fórmula 1, participamos da festa em homenagem à McLaren em São Paulo. E conversamos com dois personagens da equipe, que é uma das mais tradicionais do automobilismo mundial: o piloto britânico Lando Norris e o diretor esportivo do time, o brasileiro Gil de Ferran.

Uma das revelações da temporada 2019, Norris diluiu a responsabilidade de substituir Fernando Alonso com seu habitual bom-humor. Aos 20 anos, o talentoso piloto é um fenômeno de popularidade nas redes sociais – o que se reflete também em sua relação com os fãs brasileiros.

Já Gil de Ferran, que tem um papel fundamental na reconstrução da McLaren como um time competitivo no grid da F1, agora tem mais um desafio pela frente: formar a McLaren Indy, que disputará a temporada completa da Fórmula Indy (incluindo as 500 Milhas de Indianápolis) em 2020.

Confira estes papos e também a homenagem preparada a essa dupla pelo pessoal da McLaren São Paulo na véspera dos treinos para o GP do Brasil de Fórmula 1, disputado no Autódromo de Interlagos.

Gil de Ferran vai auxliar o time na sua reestruturação, contando com muita experiência – Foto: McLaren

Alexander Grünwald veste:
RACING DRIVER
TS SPORTS 

O Fórmula Grün também está aqui:
Twitter
Instagram
Facebook

Artigo anteriorMundo Afora #08 | Pietro Fittipaldi, piloto de testes da Haas na Fórmula 1
Próximo artigoVelocipédia #01 | Os principais pilotos dos 90 Anos da Ferrari na Fórmula 1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui