Entre a experiência na Fórmula 1 com a Copersucar e a ida para a Stock Car, Ingo Hoffmann competiu na Fórmula 2, que na época também atraía alguns pilotos de F1. E o chefe de equipe do piloto brasileiro na categoria foi ninguém menos que Ron Dennis, que pouco tempo depois se tornaria sócio da McLaren.

Nesta live no Instagram @formulagrun, Ingo conta como era relação com o dirigente e por que ele desistiu da carreira internacional, mesmo após conquistar um torneio importante no exterior e tendo ainda contrato com os irmãos Fittipaldi.

0:00 – Abertura

0:13 – Chegada à Fórmula 2 após a F1

0:56 – Relação com Ron Dennis na F2 com a BMW

2:03 – Dívidas e fim da carreira internacional

3:30 – Assista a outros conteúdos do Fórmula Grün!

Assista aos outros episódios dos #HighLives com Ingo Hoffmann:

Episódio 1 – Dos Fuscas à Fórmula 1 em quatro anos

Episódio 2 – Imprensa não entendeu resultados da Copersucar 

Alexander Grünwald veste:

RACING DRIVER – https://www.racingdriverbrasil.com.br

TS SPORTS – https://www.tssports.com.br/

 

O Fórmula Grün também está aqui:

Twitter: http://bit.ly/FGrunTwitter

Instagram: http://bit.ly/FGrunInstagram

Facebook: http://bit.ly/FGrunFacebook

A foto que ilustra o cenário é de Keith Sutton / Sutton Images.

Artigo anteriorCÂMERA ONBOARD #18 | Emerson Fittipaldi de Maverick no antigo Interlagos
Próximo artigoGiro Mundo Afora | Os pilotos brasileiros nas 24h de Daytona 2021

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui