Uma reunião recente entre as entidades que comandam as 24 Horas de Le Mans (base do WEC, Mundial de Endurance) e a IMSA (principal campeonato de longa duração dos Estados Unidos, que inclui provas como as 24 Horas de Daytona) definiu novos rumos para a modalidade, com a unificação dos regulamentos para os próximos anos.

Vencedor de provas importantes, como Daytona, Sebring e Petit Le Mans, o brasileiro Pipo Derani crê que o movimento trará ainda mais projeção ao endurance globalmente, sendo positivo para os fãs, os pilotos e as montadoras envolvidas. Em uma live no Instagram Fórmula Grün, o piloto explicou os detalhes da unificação técnica entre os dois campeonatos.

Alexander Grünwald veste:
RACING DRIVER
TS SPORTS 

O Fórmula Grün também está aqui:
Twitter
Instagram
Facebook

Artigo anteriorHighlives #03 | Pedro Piquet e as rivalidades do passado na F1
Próximo artigoVelocipédia #04 | Como irritar um fã de Fórmula 1?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui