Grün no Oscar 2011?

Não, meus amigos, eu não ganhei o Oscar. Ainda.

Apesar das bem-humoradas mensagens de parabéns que recebi na noite deste domingo via Twitter, quem subiu ao palco do Teatro Kodak, em Los Angeles, era outro cabeludo com sorriso aberto e cheio de ideias malucas. E pelo visto o cara é fera.

O nome do cidadão aí ao lado é Luke Mathany, diretor, produtor e ator de “God of Love”, filme que faturou o prêmio da academia na categoria melhor curta metragem (“Best Live Action Short Film”). A comédia filmada pelo novaiorquino já havia triunfado em outros festivais nos meses anteriores, mas evidentemente a estatueta mais cobiçada do mundo do entretenimento elevou o jovem cineasta a outro patamar.

Ao receber o prêmio, meio sem jeito, Luke riu de si mesmo e abriu o discurso dizendo que havia se esquecido de cortar o cabelo antes da festa. Sei como é, já dei esta desculpa também…

Para evitar confusões futuras, vamos deixar uma coisa bem clara: no dia em que eu receber o Oscar, agradecerei aos leitores do Fórmula Grün. Combinado?

Participe da discussão

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *