Uma vez “Fra”mengo

Hoje estive no Clube de Regatas do Flamengo, na zona sul do Rio, com a equipe do SporTV. Fui registrar o treino da equipe e pegar umas sonoras do técnico Ney Franco e do dirigente Kléber Leite para o SporTV News.

Vinte e quatro horas antes, o time saía de campo derrotado pelo Grêmio, um a zero, num ridículo gol contra do zagueiro Irineu. O resultado significava que naquele instante o time rubro-negro despencava para a lanterna da tabela de classificação, atrás dos outros 19 concorrentes da Série A do Campeonato Brasileiro de Futebol.

Obviamente a torcida apareceu para protestar. Levou um bolo de aniversário e cantou um irônico parabéns pelso 15 anos sem um título na competição. Entoou meia dúzia de palavras de ordem, chamando o time de pipoqueiro e abriu duas faixas. Uma delas cutucando a suposta incompetência do treinador.

Mas, pelo que estava escrito, o fato é que a torcida pode chamar Ney de fraco, de incompetente ou do que quiser. Menos de burro.

Torcida "fra"menguista protesta na Gávea em julho de 2007 / Foto: Alexander Grünwald - Fórmula Grün

Participe da discussão

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *